financiamento bancárioO financiamento imobiliário é uma alternativa para quem quer adquirir a casa própria e ir pagando aos poucos, sem pesar no orçamento. العاب للفوز بجوائز حقيقية

No Brasil, as modalidades mais comuns de crédito imobiliário são o financiamento bancário e o financiamento com a incorporadora. العاب للفوز بجوائز حقيقية

As duas situações têm regras específicas, como taxa de juros, limite máximo de financiamento e prazo de pagamento distintos, que oferecem vantagens diferentes, conforme o perfil do consumidor.

Apesar de o crédito imobiliário facilitar a compra do imóvel, é preciso analisar com cautela qual é a melhor opção de financiamento de acordo com o perfil e as necessidades da sua família.

Neste post, nós comparamos as vantagens entre o financiamento bancário e o financiamento com a incorporadora para que você possa analisar direitinho qual é a melhor escolha para você.

Financiamento com a incorporadora

Análise de crédito flexível

Financiar um imóvel, como é o caso de comprar um terreno financiado, é fazer uma operação de crédito, como pegar um empréstimo. Como toda operação de crédito, ela está sujeita às condições de aprovação de quem vai financiar o imóvel para você, neste caso, a incorporadora. لعب بوكر حقيقي Isso quer dizer que cada incorporadora pode estabelecer suas próprias regras de análise de crédito.

Esta é uma grande diferença entre o financiamento direto com a incorporadora ou via instituição financeira, pois nos bancos a análise de crédito e a exigência de documentação costuma ser um pouco mais criteriosa e burocrática.

Pagamento facilitado

As regras e condições de financiamento podem variar de uma incorporadora para outra, no entanto, as condições de pagamento, nesta modalidade de financiamento, costumam ser mais flexíveis.

Dependendo da incorporadora, o prazo de pagamento pode chegar até 100 meses e não há parcelas intermediárias como semestrais, anuais etc. O valor da entrada também pode ser menor do que o habitualmente solicitado pelos bancos, que é equivalente a 20% do valor total do imóvel.

Parcelas amigáveis

Por ser um financiamento direto com que é o “dono do terreno”, dependendo da incorporadora, o reajuste mensal das parcelas do financiamento pode ser feito de comum acordo, entre a incorporadora e o cliente, independentemente de indexadores do mercado financeiro e imobiliário, como a tabela PRICE e o sistema SAC.

Agilidade

Ao financiar um terreno/imóvel direto com a incorporadora você dispensa intermediários e reduz as etapas burocráticas do processo, diminuindo os prazos de tramitação de papelada e análise de documentação, ganhando tempo para uma aprovação mais ágil do financiamento.

Financiamento imobiliário

Dinheiro para comprar o terreno e construir

O financiamento de terreno com construção, conhecido também como lote + casa, pode ser feito em diferentes instituições financeiras no país, incluindo a Caixa Econômica Federal, que costuma oferecer taxas de juros atrativas e prazo de pagamento que pode chegar até 30 anos.

Transação segura

Geralmente, a aprovação de crédito nos bancos exige comprovação de todas as informações do comprador, do vendedor e do imóvel/terreno.

A comprovação de renda do comprador pode ser feita por meio de holerite ou declaração do IR, que demonstre um comprometimento máximo de 30% do valor mensal com as parcelas do empréstimo. Junto com a comprovação de renda é preciso apresentar outros documentos, como certidões negativas da Justiça Federal e outros órgãos.

Para aprovação do financiamento bancário, também é preciso apresentar os documentos do imóvel/terreno , como a Matrícula Atualizada e Certidão Negativa de IPTU.

Fundo de Garantia

Nos financiamentos bancários da Caixa é possível utilizar o saldo do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) como parte de pagamento do financiamento. A cada dois anos também é possível fazer um novo abatimento do saldo devedor utilizando os recursos do FGTS.

Redução de parcelas

Ao financiar um terreno/imóvel com a Caixa Econômica, as parcelas são amortizadas pelo sistema SAC, ou seja, vão ficando menores com o passar do tempo.

Em ambos os casos

Tanto no financiamento bancário, quanto no financiamento direto com a incorporadora é possível fazer composição de renda, ou seja, pode-se somar o rendimento bruto mensal de mais uma pessoa da família para análise de crédito.

Antes de decidir banco ou incorporadora

Independentemente da modalidade de financiamento mais adequada para você, antes de dar esse passo importante, que é a compra de um bem de alto valor, como um terreno/imóvel, recomendamos que você:

Comprar um terreno e construir a casa própria é o sonho de muita gente. Um plano de vida, uma conquista. Informe-se e organize-se para poder fazer um bom negócio e assumir o financiamento com tranquilidade.

Agora que você sabe como funciona o financiamento bancário e o financiamento com a incorporadora, fale com um consultor IMG e descubra quais são as oportunidades para você fazer um bom negócio direto com a incorporadora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *